“Rio de Prêmios”: uma reviravolta na vida de muita gente

Ganhadores contam como os prêmios mudaram suas vidas

 

Muitas pessoas sonham em tirar a sorte grande e sabem direitinho tudo o que fariam se fossem sorteadas com um prêmio milionário. Mas são muito poucas as que transformam esse sonho em realidade. È difícil até conhecer alguém já tenha sido contemplado com um prêmio desses. O que pouca gente sabe é que os ganhadores de prêmios não tão suntuosos, também passam por uma verdadeira transformação em suas vidas. Com uma Raspadinha sorteada ou com um bilhete premiado do Rio de Prêmios, muitas pessoas já deram verdadeiras guinadas e mudaram completamente a rotina que levavam até então. 

Os prêmios mudam efetivamente a vida das pessoas. No caso do Rio de Prêmios, os sorteados podem ganhar valores em espécie, casas, carros, motos etc. Prova disso é Marcos, morador de Itaboraí que ganhou o carro e R$ 5mil.  Ele é casado com Angélica e tem uma filha de 6 meses, Millena. É auxiliar de produção e mora com 7 pessoas em casa, que não é própria. Vendeu o carro, juntou com os R$ 5 mil e deu entrada numa casa, seu grande sonho.

 

A experiência mostra que, diferente do que se imagina, para resolver a vida de muitos brasileiros não são necessários “milhões de reais”. Valores muito menores atenuam a preocupação da grande maioria e já são suficientes para dar uma guinada na vida de muita gente!

 

As histórias de sucesso são inúmeras. Neli ganhou a moto e R$ 5mil.Mora em São Gonçalo, é casada com Paulo César e tem duas filhas: Pábia e Nathália. Sua intenção é de vender a moto, juntar os R$ 5 mil e investir o dinheiro na faculdade que está cursando e em estudo para as filhas.

 

Sobre o “Rio de Prêmios”:

O “Rio de Prêmios” foi lançado em julho de 2007 pela Hebara, empresa que opera os produtos lotéricos da Loterj. Ao longo de quase dois anos o produto tem 100% de aceitação e apresenta constante crescimento de vendas. Semanalmente de oito a dez pessoas são premiadas e participam do programa ao vivo que vai ao ar na Record, todos os domingos, de 11h30 ao 12h.